Simões Filho: Eleição municipal 2020 promete disputa acirrada entre Governo e Oposição


Atual cenário conta com o atual prefeito Dinha (MDB), o ex-prefeito Eduardo Alencar (PSD) e o empresário César Diesel (PRB) como nomes de destaque

Com o fim das eleições gerais nacionais, o município de Simões Filho começa a se preparar para o próximo pleito municipal de 2020. A ocasião promete disputas acirradas entre os principais grupos e nomes políticos da cidade, que ao longo de 2018, tem demonstrado força política junto aos seus pares e à população.

A primeira-dama de Simões Kátia Oliveira (MDB) encontra-se em momento de ascensão. Vereadora no início de 2018, Kátia foi eleita deputada estadual com 27.206 votos. O novo cargo lhe garante permanência na Assembleia Legislativa por 4 anos, mas especialistas destacam que Kátia deverá contribuir com a tentativa de reeeleição do esposo, o Dinha.

Por sua vez, o atual prefeito da cidade e marido de Kátia, Dinha é cogitado a permanecer no cargo. Diogenes que assumiu o posto em 2017, fez discurso em sessão solene na Câmara no último mês de novembro, ressaltando o que considera pontos de avanço positivo na sua gestão, tal como a entrega da via universitária e a entrega da sala de estabilização do Hospital Municipal. Além disso, deverá anunciar grandes obras em 2019.

O outro nome na disputa fica por conta de César Diesel. O empresário que concorreu à eleição municipal de 2016 pelo PRB e saiu derrotado, escreveu carta aberta no último mês de novembro, lamentando as ações que considera não terem sido tomadas pela gestão do prefeito. No texto divulgado nas redes sociais, citou problemas de funcionamento no transporte, zeladoria urbana, iluminação de vias públicas e geração de emprego e renda. Especula-se que Diesel demonstra interesse em realizar nova tentativa, ao cargo mais alto do Executivo da cidade.